Queridinha do público, Karen Ito é uma das apresentações do Japan Matsuri


Desde muito pequena envolvida com arte, Karen Ito iniciou dançando músicas típicas japonesas (Nihon Buyo), seguindo para a arte do canto aos 8 anos de idade.

Já nesta idade começou a participar de programas de televisão, sendo eleita a cantora de preferência do público do programa Japan Pop Show.

Aos 13 anos elegeu-se campeã do Primeiro Concurso Nacional de Karaokê (ABRAC). Neste mesmo ano obteve o título de campeã do quadro “Uta no Champion” do programa de televisão Imagens do Japão – TV Gazeta.

Sua experiência internacional iniciou-se quando foi eleita representante do Brasil para participar do concurso “Nihon Amatiya Kayo Sai” da televisão japonesa, onde foi eleita a Melhor Intérprete Estrangeira. A partir daí iniciou sua carreira profissional fazendo shows em todo Brasil.

Em 1988 foi uma das principais protagonistas do evento “IMIN 80”, evento em comemoração aos 80 anos da Imigração Japonesa realizado no Estadio Municipal Paulo Machado de Carvalho “Pacaembu”, para público de 27.000 expectadores  e presença dos ilustríssimos Presidente da República José Sarney, Governador Orestes Quercia e Imperador do Japão Akihito.

Em 1989 conheceu a cantora coreana Kim Yonja, bastante conhecida no Japão, em turnê pelo Brasil. Participou como convidada especial em uma de suas apresentações no Palladium. Aceitando um convite da própria Kim Yonja foi ao Japão estudar canto, lá participou de vários shows junto com a cantora Kim.

Com orientação do compositor Gen Tetsuya, gravou seu primeiro CD em 1990 na cidade de Tokio no Japão, onde inicia sua carreira profissional e tem reconhecimento mundial como representante da cultura japonesa em sua música para os 1.5 Milhão de descendentes nikkeys no Brasil.

Em 1998, novamente foi convidada para participar de uma turnê de seis meses em Osaka no Japão. Desta vez procurou mostrar músicas brasileiras cantando inclusive, Axé e Samba, na terra do sol nascente.

No ano de 2000, fez uma participação na novela “Laços de Família”, da Rede Globo.

E em Setembro de 2001, participou no quadro “Quem sabe canta, quem não sabe dança “, do Programa Raul Gil da TV Record.

Em Junho de 2002, lança um outro CD demo, dessa vez trabalhando mais com músicas japonesas, e em especial uma versão em português da música Kampai.

No ano de 2004, lança um outro CD duplo de versões com músicas muito consagradas, comoFascinação, Sozinho, Um Anjo Veio Me Falar e todas versadas por ela mesma em japonês.

Em 2007, gravou um CD com vários sucessos de cantores masculinos, homenageando também a cantora Misora Hibari, e incluindo uma música para o Centenário da Imigração Japonesa no Brasil, gravou a música Hyakunen no Ai (Cem anos de Amor).

No ano de 2010 novamente foi ícone na festividade comemorativa dos 100 anos de imigração japonesa no Brasil, quando apresentou por diversas vezes música de sua autoria em homenagem aos imigrantes japoneses “Hiyakunen no Ai – Cem anos de Amor”.

Karen Ito atualmente participa regularmente em festividades da comunidade japonesa em todo Brasil e há mais de 10 anos é voluntária de obras assistenciais das 4 entidades filantrópicas: Ikoi no Sono, Kibo no Ie, Yasuragi Home e Kodomo no Sono.

Realizou shows em cruzeiros exclusivamente para comunidade japonesa entitulados “Matsuri em Alto Mar” apresentando a cultura japonesa para mais de 6000 passageiros para esta festividade na costa Brasileira.